Noticias - Transporte coletivo retorna na segunda-feira (22) em Jaraguá do Sul | AD Jaraguá do Sul



AD Jaraguá do Sul




Home » Espiritual - Notícias » Transporte coletivo retorna na segunda-feira (22) em Jaraguá do Sul
l
l
l

  Transporte coletivo retorna na segunda-feira (22) em Jaraguá do Sul

Transporte coletivo retorna na segunda-feira (22) em Jaraguá do Sul

Foi votado nesta quarta-feira (17) na Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul em regime de urgência o Projeto de Lei que reconhece o transporte público como instrumento associado ao combate e à contenção da pandemia da Covid-19.

 

Com a aprovação, o transporte coletivo será retomado em Jaraguá na segunda-feira (22).

 

O texto ressalta que a "programação operacional especial dos serviços levará em consideração não apenas o quantitativo efetivo da demanda a ser transportada, mas também a quantidade de veículos necessários para evitar aglomerações no interior dos ônibus e no terminal central, sobretudo nos horários de pico."

 

A Prefeitura fará o custeio de R$ 340 mil em parcela única à concessionária, em virtude de "eventual pedido de reequilíbrio, bem como na manutenção do valor da tarifa". Porém, a empresa deverá apresentar planilhas que demonstrem estoque mínimo de combustível, manutenção de frota para início de operação, lavação e higienização de frota para início da operação e pulverização com bactericida e/ou sanitização de frota.

 

Plano sanitário
Além disso, deverá seguir o plano sanitário, já apresentado na semana passada, que reforça medidas de prevenção como a higienização de veículos e equipamentos públicos para minimizar o risco de contágio e a proteção à saúde dos colaboradores e usuários do transporte coletivo.

 

Entre os requisitos estão a limpeza frequente dos veículos, a disponibilização de álcool gel na entrada, saída e interior do ônibus e a obrigatoriedade do uso de máscara a todos, passageiros e trabalhadores da concessionária. A lotação máxima será limitada entre 50% a 60%, o que representa a capacidade de passageiros sentados.

 

A orientação também da Vigilância Estadual é para que idosos só utilizem o transporte coletivo em caso de extrema necessidade. As medidas serão fiscalizadas pela Diretoria de Vigilância em Saúde que aplicará, em caso de descumprimento, as sanções previstas na legislação municipal.


Por Isabel Debatin - OCP News




Voltar